Mostrando postagens com marcador CRUZADA SILAS MALAFAIA EM MACAPÁ. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador CRUZADA SILAS MALAFAIA EM MACAPÁ. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

CRUZADA SILAS MALAFAIA EM MACAPÁ





A semana iniciou nadando na benção resultante do evento capitaneado pelo Pr. Silas Malafaia em nossa cidade Macapá-AP. Dois dias de louvor e adoração a Deus, e pregação da Palavra de Cristo.


Os cantores Dayan Alencar (NA FOTO) Jairinho, Eyshila, Nani Azevedo, Danielle Cristina e Rachel Malafaia apresentaram louvores bem escolhidos, com letras remetendo à obra redentora de Cristo, às vitórias que Jesus nos concede por sua graça e misericórdia e à nossa missão como Igreja militante.

A pregação do Pr. Silas Malafaia foi totalmente voltada para a pessoa de Cristo, sua obra expiatória e salvífica, e à mudança de vida resultante da conversão a Jesus. Ao final de cada preleção, não foi esquecido o apelo para os não-evangélicos e também para os “filhos pródigos”, as ovelhas afastadas do rebanho (PARTE DO CULTO QUE INFELIZMENTE MUITAS IGREJAS NÃO LEMBRAM MAIS). Centenas de pessoas decidiram-se por Cristo, em um total de cerca de cinco mil; segundo falou de viva voz o Pr. Jabes Alencar, apresentador da programação, e confirmado no site do pregador (http://www.ministeriosilasmalafaia.com.br/) foi a maior colheita de almas até agora, em todas as 10 cruzadas já realizadas.

No último dia, após a pregação e o apelo, não faltou a apresentação final em conjunto de todos os cantores, numa verdadeira apoteose de louvor e adoração que, certamente, recarregou as baterias espirituais de muita gente.

Os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário se fizeram representar através de diversas autoridades locais, que receberam oração do Pr. Silas, como forma de abençoar todo o Estado do Amapá. Tudo com a devida ordem e decência, sem pronunciamentos de caráter eleitoral em desacordo com a lei, e sem favoritismos. Muito equilíbrio e sobriedade: que todos os líderes aprendam a fazer o mesmo em suas igrejas e comunidades. Afinal de contas, autoridade é para legislar, executar a lei ou julgar conforme a lei, não para pregar.

Esperemos que as diversas igrejas, ministérios e comunidades evangélicas do Amapá promovam um trabalho intenso de discipulado, a fim de que essas preciosas almas que voltaram ao rebanho de Cristo permaneçam firmes nos caminhos do Senhor e rendam muitos frutos espirituais até a volta de Jesus.

Merece elogio também a estrutura física do evento, com 3 (três) telões que proporcionaram um ótima visibilidade mesmo a quem se encontrava bem distante do palco, aliás de excelente tamanho. O som foi de uma qualidade poucas vezes vista em nosso Estado, e com a ajuda do vento chegou até bem longe do estacionamento do Sambódromo, local em que se realizou a Cruzada. A organização das tendas e barracas destinadas a atendimento médico, ponto de apoio, tribuna para os obreiros e famílias, além de venda de Cds, DVDs, livros e Bíblias. Neste último ponto, vale destacar que os preços estavam excelentes e o material de ótima qualidade.

Nem mesmo o cuidado as necessidades físicas da multidão foi esquecido, com a colocação de diversos banheiros químicos, que atenderam muito bem a uma demanda estimada de 90 mil pessoas.

Não se registraram incidentes de ordem policial, pois o povo de Deus é ordeiro e pacífico.

Vale destacar ainda que no primeiro dia do evento (21 de agosto), realizou-se um show da cantora Ivete Sangalo bem ao lado do local da cruzada. No entanto, longe de representar um problema (pois os horários eram diferentes), ainda ajudou para que a mensagem de Cristo alcançasse mais pessoas: com efeito, muita gente que chegou mais cedo para o show ouviu a pregação e decidiu-se a Cristo.

Deus permita que as igrejas, comunidades e ministérios evangélicos do Amapá percebam que a Igreja de Cristo precisa sair das 4 paredes dos templos e realizar mais cruzadas e cultos ao ar livre, como muito me recordo na minha infância e juventude. A final, ainda continua de pé a ordem de Jesus de ir aos campos e valados em busca das ovelhas desgarradas.



De resto, espero que a mensagem cristocêntrica, equilibrada, contundente e atual tal como exposta pelo Pr Silas Mafalaia sirva de exemplo a muitos obreiros e líderes, que aprendam como se deve pregar o Evangelho de Cristo: sem “retetés”, sem enrolações ou apelações, sem necessidade de experiências espirituais esquisitas e duvidosas. Tomara que muitos pregadores de terras tucujus ponham a mão na consciência e preparem pregações e mensagens melhores, levando ao povo o verdadeiro Evangelho de Cristo.

Que Deus continue abençoando o Pr. Silas Malafaia e seu ministério, e por meio dele alcançado muitas almas para o Reino dos Céus.

Seguem abaixo os links de dois videos do evento.

http://www.youtube.com/watch?v=ltS7-4WOBwM
http://www.youtube.com/watch?v=t49lSYyVUdU