quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Perdoem-me o desgosto!... Está insuportável!




Perdoem-me, irmãos, eu confesso a tão aguardada confissão de minha boca. Sim, eu confesso que